Porque, todo filme é bom, o que atrapalha é a crítica. Ou não?

quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

Surpresas do amor



Eu nunca respeitei muito a Reese Whiterspoon, sei lá, eu adoro as comédias bobas que ela faz, e a June Carter de Reese é realmente fofa, mas, não mereceu aquele Oscar, me perdõem. Ainda assim, filmes que tem Reese no elenco me levam tranquilamente ao cinema, não sei por que...
Em compensação, eu tenho uma certa birra do Vince Vaughn. Pra mim, ele é tudo aquilo que seus filmes mostram: um troglodita, sem esportiva, uma cara chato de verdade.
Anyway, na última semana, mais uma vez fui ao cinema na esperança de ver 'Benjamin Button' e como os horários dos cinemas daqui são surreais, acabei assistindo 'Surpresas do amor' (Four Christmas/EUA/Alemanha/2008).
O filme conta a história de um jovem casal que todo fim de ano inventam uma desculpa qualquer para não passarem o natal com suas famílias e viajarem para algum lugar exótico e aproveitar melhor as férias. Só que, este ano, por causa de um forte nevoeiro que toma conta da cidade, todos os vôos são cancelados, e para piorar, eles são filmados pela equipe local de televisão em pleno aeroporto, e, assistidos por suas famílias. Assim, são obrigados a voltarem para casa e finalmente passarem seu primeiro natal com suas respectivas famílias. Na verdade, 'quatro natais', como o título original do filme, já que os pais de ambos são divorciados.
E essa historinha boba se arrasta por todo o filme, com todas aquelas cenas engraçadinhas de família nada perfeita que causa uma certa vergonha alheia em cada um deles até o ápice quando justamente por influência dessas famílias loucas, resolvem subir mais um degrau no relacionamento deles, o que, errôneamente julgavam ser um degrau alto demais para subirem.
O filme não é grande coisa, mas, conseguiu arrancar umas risadas do público no cinema. A química de Vince e Reese nem é grande coisa, mas funciona dentro do que o filme se propõe.
Vince Vaughn é o mesmo troglodita de todos os filmes e Reese, bem, ela é bonitinha, néam? É difícil não se encantar por ela, mas, sua atuação como sempre, é mediana.
'Surpresas do amor' não é uma bomba como venho lendo por aí, mas também não é uma comédia surpreendente. É só um filme descartável de fim de ano, engraçadinho, mas, descartável.
Trailer:

8 comentários:

Quéroul disse...

odeio a Reese. sério.

Otavio Almeida disse...

É... esses filmes de fim de ano natalinos precisam dar um tempo, Fabi... a idéia já está gasta...

Bjs!

Garota no hall disse...

Ahhh, acho o Vince tão fofo. Mas esse tipo de filme eu deixo para ver em casa.

Cecilia disse...

Quando passar na HBO, eu assisto. :P

cinevita disse...

O problema é quando o filme de Natal chega depois do Natal, chega a ser risível. Ainda não assiti, mas não aposto muito.

Ciao!

dRAMArAMA disse...

Olá,

Eu simplesmente adoro suas críticas sobre os filmes. Sempre acompanho.
Eu e alguns amigos criamos um blog a pouco tempo com intuito de discutir assuntos diversos, postar músicas e alguns filmes a título de divulgação.
Se quiser dar uma olhada fique à vontade.

Eu ainda não assisti "Surpresas do Amor" mas se tratando da Reese eu sei bem o que esperar.

Abraços.

Ps: No blog eu sou a Suzanna.

fabiana disse...

Obrigado Suzanna! Passarei por lá!

gustavo disse...

Gosto da Reese tb!
E não considero o oscar dela injusto.
Não vi, Surpresas do Amor, e caso veja seria exclusivamente por causa dela.

E quem duvida do talento dessa atriz, deveria procurar o filme "Eleição"!